Jornal Rio grande

Representante da Bibliotheca Rio-Grandense se reúne com vereadores em busca de recursos

  • Assessoria
  • 09/02/21 as 15:09

n/d

Foto: Câmara

Esse ano a Bibliotheca Rio-Grandense, a biblioteca mais antiga do Estado, comemora 175 anos. Com um acervo de 450 mil volumes o espaço passa por muitas dificuldades para manutenção e pagamentos de contas. Em função disso, o professor de História Lênin Landgraf sócio e colaborador do local esteve reunido com os vereadores da Câmara Municipal do Rio Grande para pedir um apoio e a divulgação dos 175 anos da biblioteca.

Uma das solicitações foi que cada vereador se associe à biblioteca. O valor para cada sócio é de R$ 20,00 mensais. "Hoje temos 220 sócios mas nem todos são ativos e por isso não conseguimos angariar o valor suficiente para manter nem as contas em dia", explicou o professor.

Os vereadores entenderam as revindicações e se comprometeram em buscar novos sócios e até alguma parceria com a iniciativa privada para conseguir melhorar a situação. "Se cada vereador se associar e buscarmos parceria podemos tentar ajudar. A câmara está sempre atenta a essas demandas e em buscar soluções para casos como esse", disse o presidente da Câmara, vereador Filipe Branco (MDB).

A organização ainda resolverá como serão as comemorações dos 175 anos da Bibliotheca em função da pandemia do Covid-19, mas o professor Lênin disse que a data não passará em branco. "Ainda veremos a viabilidade de como realizar, mas essa data será comemorada até porque a cidade do Rio Grande abriga a mais antiga biblioteca do Estado e temos que celebrar", finalizou. 

  • Compartilhar