Jornal Rio grande

Vídeo da FURG sobre a pandemia é eleito pelo público como melhor curta em Mostra da SBPC

  • Secretaria de Comunicação - Secom | FURG
  • 30/11/20 as 12:55

Um vídeo produzido pela Universidade Federal do Rio Grande (Furg) que ajuda a compreender o novo coronavírus ficou em primeiro lugar na categoria de curtas, pela seleção do público, da Mostra "As Ciências e a Pandemia de Covid-19", promovida pela Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC). Com o objetivo de promover e difundir as iniciativas audiovisuais de divulgação e conscientização sobre a pandemia de coronavírus no Brasil, a mostra recebeu 58 vídeos de instituições de ensino de 14 estados do país. A playlist completa das produções está disponível aqui e reúne informações de qualidade sobre a Covid-19.

O vídeo "Entendendo o novo coronavírus" explica em pouco mais de 4 minutos sobre a estrutura do vírus, como ocorre a infecção, quais são os sintomas e ainda mostra como diagnosticar e prevenir a Covid-19, de forma didática, a partir de uma narração explicativa e desenhos feitos a mão.

"Queríamos dar ênfase no teste, mas para chegar nele, pensamos que era preciso a informação inicial básica sobre a doença em si, a estrutura do vírus, para o entendimento, até chegar no nosso foco que era o teste RT-PCR", conta Daniela Volcan Almeida, que é professora visitante no Instituto de Ciências Biológicas da FURG e atua no Laboratório de Biologia Molecular. A equipe do laboratório, que vinha trabalhando junto ao Hospital Universitário Dr. Miguel Riet Corrêa Jr (HU-FURG/Ebserh) quando estava começando o trabalho com os testes de diagnóstico de Covid-19 e chamou outros profissionais para pensar o vídeo. Da área da saúde, a professora Bárbara Tarouco da Silva. A professora da Oceanologia Maira Carneiro Proietti também participou da equipe, mas pelo trabalho artístico, de ilustração. Os pesquisadores da Biologia Molecular, além de pensarem o roteiro, também atuaram na narração e filmagem, e a edição ficou a cargo de Guilherme Luz, da Secretaria de Comunicação (Secom) da Furg.

O convite para a produção veio da Diretoria de Extensão da universidade, que estava iniciando um projeto em vídeo sobre Práticas Integrativas e Complementares em Saúde (PICS), em parceria com a Secretaria de Município da Saúde. Um grupo de estudo que articula as duas instituições e participantes da comunidade tem se dedicado desde o ano passado à temática, que inclui práticas como dança circular, reiki, ioga, meditação, acupuntura, medicina chinesa, aromaterapia, fitoterapia, entre outras. "A gente queria informar sobre a existência das PICS no município, e pensamos na ideia de produzir vídeos e correlacioná-los à questão da pandemia. Queríamos mostrar que determina prática pode agregar e beneficiar durante este período da pandemia como prática complementar à Medicina tradicional. Por isso o objetivo era de formação do público, de compreender o que são essas práticas, para se sentir estimulado a utilizar alguma delas, para proteção durante e depois da pandemia", conta a diretora de Extensão da Furg Carla Amorim.

Em parceria com a Secom, foi produzida uma série de vídeos com base em ilustração e realizadas lives nas sextas-feiras no canal da universidade no YouTube. No canal da universidade no YouTube há uma playlist para acesso às produções.

O vídeo contemplado como primeiro na escolha do público da Mostra foi resultado de muito estudo e pesquisa, traduzidos em linguagem simples, para ser compreensível pelo amplo público. "Uma forma de combater a pandemia é a informação, e informação com base científica", reafirma Daniela. "Ter o vídeo escolhido pelo público em primeiro lugar nos deixou extremamente contentes. O público entendeu a mensagem, mostrou que gostou da forma como escolhemos para contar", avalia.

"A divulgação científica é fundamental, ainda mais em tempos que a pesquisa e a pós-graduação estão sendo tão atacadas. Tenho para mim que isso é um dever como pesquisadora, então me sinto feliz por ter feito alguma coisa nesse sentido", comemora Bruna Felix da Silva Nornberg, outra das pesquisadoras envolvidas, e a responsável pela narração do vídeo. Tony Leandro Rezende da Silveira, coordenador do Biotério da universidade, também integra a equipe que atuou no vídeo. Para o secretário de Comunicação da Furg, Laurício Tissot, parcerias como esta e o reconhecimento reafirmam o audiovisual como setor estratégico para a comunicação institucional da universidade.

A equipe foi convidada para participar de uma live da SBPC com os vencedores nas diferentes categorias da Mostra, entre os dias 3 e 4 de dezembro, durante as atividades da 72a Reunião Anual da SBPC, que ocorre online, por conta da pandemia.