Jornal Rio grande

As Duas Faces

  • João José Reinbrecht Braga
  • 02/12/20 as 13:28

               Não é porque sou Chefe de Família, que sou MACHISTA, pois minha esposa é a Rainha do Lar:

               Não é porque criei meus filhos  dentro de limites e cobranças, que sou OPRESSOR, apenas quis lhes ensinar que a via é assim;

               Não é porque creio em Deus, que podem dizer que odeio ATEUS, muito pelo contrário, oro para que sejam felizes;

               Não é por ser branco, que venham a imaginar que sou RACISTA, pois adoro todos os meus amigos, independente da cor, e até porque existiram negros algozes de negros e brancos algozes de brancos, como mostra a história, até hoje idolatrados;

               Não é porque sou heterossexual, que me julguem HOMOFÓBICO, pois o maior compromisso que temos com a vida é sermos felizes e para isso, temos o nosso livre arbítrio;

               Não é porque sou trombonista, que devo achar que os outros instrumentos são DESNECESSÁRIOS, afinal , não existe orquestra com um só instrumento;

               Não é porque, as vezes prefiro o silêncio, que concluam que DETESTO MÚSICA, CANTO DOS PÁSSAROS E O BARULHO DAS ONDAS DO MAR , afinal a existência deles harmoniza nossas camadas energéticas ;

               Não é porque não gosto de músicas sertanejas e nem funk, que posso dizer que os que gostam são MEDÍOCRES. Já imaginaram se todos os gostos fossem iguais?

               Não é por ser colorado, que posso julgar os gremistas como POUCO INTELIGENTES, pois se assim fosse, assim me julgariam;

               Finalmente, não é por acreditar na MINHAS VERDADES, que as dos outros sejam MENTIRAS, afinal, CADA UM TEM AS SUAS.

João José Reinbrecht Braga, o Prof. Maninho, é ocupante da Cadeira 34 da Academia Rio-Grandina de Letras